Frase antiga

por Natalia Maeda

Juro que estou tentando escrever um post interessante para este blog. Até estão saindo umas coisas legais, mas o último texto que escrevi acabou ficando tão grande que vou ter que pensar em uma forma de condensar para caber aqui. Ficar muito tempo sem escrever no blog dá uma enferrujada. A linguagem, a forma, o conteúdo. Às vezes me esqueço de que o ambiente é bem mais casual do que costumo imaginar que seja. Por incrível que pareça, é difícil treinar essa forma mais livre de escrever.

Aproveito então para colocar esse vídeo do Pedrinho Valença e do Weslley Fonseca cantando no CAJU. Acho tão bonito como eles arranjam as vozes, e como a letra fala de uma angústia comum a todos nós. Procurar respostas e não encontrar, o conflito com o tempo e a busca por uma paz perdida. E o mais singelo de tudo é o burburinho no fundo, enquanto estávamos almoçando e conversando animados.

Bem, fiquem com a canção. Ela se chama “Frase Antiga”.

Boa noite a todos!

.
Noite… Por que que o tempo passa devagar?
Só sei que a qualquer hora vem o sol
Tempos, ainda há mais perguntas a fazer
Não sei se alguém irá nos responder

Eles dizem que o tempo pode curar qualquer ferida
Cansei de esperar
Mas numa frase tão antiga, já tantas vezes repetida
Respostas encontrei

Entregar o meus caminhos ao Senhor
Confiar nEle, e o mais Ele fará
É fácil de cantar
Preciso aprender
Posso viver feliz

Talvez a vida nunca traga explicações
Mas Deus em Sua essência é Amor
Quando bater no coração tão forte dor
Lembro, Deus tem uma grande obra em mim

Precioso é o tempo mais do que qualquer conquista
Tem muito pra ensinar
E essa verdade tão antiga, se for real em minha vida,
Vai devolver a paz.

Se entregar os meus caminhos ao Senhor,
Confiar nEle e o mais Ele fará
É fácil de cantar
Preciso aprender
Posso viver feliz.

Anúncios